sexta-feira, fevereiro 10, 2006

Uma ajudinha...

Lembrei-me de aproveitar o blog para obter algumas [boas] ideias para o meu trabalho de Marketing...

O tema é o seguinte:

"Como se pode explicar que peças de teatro consideradas pelos seus autores, intérpretes e críticos, como intelectuais e culturalmente mais importantes e bem construídas, raramente consigam esgotar, mais do que uma noite, teatrinhos experimentais com cerca de 100 lugares?"

Aceitam-se sugestões!

9 Comments:

Blogger Carla Isabel said...

Amiga porque a maior parte da população pretende ir ao teatro para se divertir ...mas não para por os neurónios em funcionamento, ou para pensar muito!

Uma pessoa vai ao teatro para descontrair...e não para desenvolver uma tese culural e intelectual sobre o que viu!

Bjs

Carla

sexta-feira, 10 fevereiro, 2006  
Blogger Carla Isabel said...

Amiga porque a maior parte da população pretende ir ao teatro para se divertir ...mas não para por os neurónios em funcionamento, ou para pensar muito!

Uma pessoa vai ao teatro para descontrair...e não para desenvolver uma tese culural e intelectual sobre o que viu!

Bjs

Carla

sexta-feira, 10 fevereiro, 2006  
Anonymous Carolina said...

Na minha opinião isso acontece porque o público português está muito pouco aberto à cultura. Acho que nesse aspecto estamos mto pco desenvolvidos e, essas situações de pekenos teatros vazios com peças por vezes interessantes, são o reflexo desse desinteresse cultural. Mas, por vezes, as peças tb não estão adaptadas ao tipo de público. Se estamos perante um público que o que mais gosta no cinema são as pipocas e não o filme, então nunca se irão interessar por peças intelectuais e que dêm que pensar...penso eu!

p.s.:nada contra as pessoas k gostam d pipocas! lol eu tb gosto..so ñ gosto mais do k do filme! =P lol

bjokas linda

sexta-feira, 10 fevereiro, 2006  
Blogger SweetDark said...

Já tinha tentado comentar, mas n csguia! Realmente essa não é a mha area, mas na minha opinião é pq grd parte dos portugueses não se interessa por cultura ou intelectualidade, e tem diferentes conceitos do que é ou não interessante!Desculpa não poder ajudar mt...BOA SORTE! :D Bjinhos

sexta-feira, 10 fevereiro, 2006  
Blogger Sonia said...

Porque a meu ver, hoje em dia andamos todos tão desgostosos com a vida que nos preocupamos mais em rir do que pensar.

sábado, 11 fevereiro, 2006  
Blogger Alda said...

Tem a ver com variadíssimas situações:
- educação cultural do país
- promoção e estratégia de marketing em torno dessas peças
- lei da ofertta do mercado
- e por aí fora...

Pesquisa na net 'marketing cultural' e vais encontrar imensa coisa!

Boa sorte!

domingo, 12 fevereiro, 2006  
Blogger Loira said...

Pq os produtos que são feitos são para agradar um pequena elite pseudo-intelectual e não contemplam os gostos do público em geral. Sim, pq eu chego a ter dúvidas de que mesmo esses pseudio-intelctuais gostem de determinadas coisas, q apregoam gostar, mas fica-lhes bem dizer q sim e mostrarem-se "diferentes" dos outros. Nestas coisas sou mto democrática... tudo tem a ver com o teu público alvo... se quiseres fazer uma coisa para meia dúzia de pessoas com 1 determinado gosto, fazes... agora se queres um público mais abrangente, generalista, então tens de contemplar os seus gostos e não os teus ou os de uma minoria... e o problema é mesmo este: mtas vezes fazemos coisas para nós proprios (gostarmos) e não para os outros... e isso reflecte-se nas audiências, claro está.
bj*
Loira e Zezinho

domingo, 12 fevereiro, 2006  
Blogger eu said...

Pois...provavelmente serão uma grande seca. Os intelectualoides dizem "brilhante" e o povo diz "secante"!!!
Têm que ir de encontro aos interesses da maioria da pop senão...Bjs

segunda-feira, 13 fevereiro, 2006  
Blogger Ana said...

Talvez falta de euros, não? O teatro como o cinema não estão nada baratos.
Depois as peças nem sempre são assim tão interessantes qt isso.
Beijinhos
Ana e Manuel Maria

sexta-feira, 17 fevereiro, 2006  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home